Análise dos Indicadores de Desempenho da Rede Estadual do Paraná

2021-08-11T16:58:43-03:00 11/08/2021|

No pilar de projetos contratos, o Interdisciplinaridade e Evidências no Debate Educacional (Iede) realizou uma análise do desempenho dos estudantes matriculados na rede estadual de ensino do Paraná, dado o seu sexo e nível socioeconômico. Também foram analisadas as desigualdades presentes entre homens e mulheres no que dizem respeito a emprego e salários, trazendo comparações a nível nacional, no sul do País e no próprio estado do Paraná. Para esse trabalho, foram avaliados alguns indicadores da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), do primeiro trimestre de 2020, com ênfase nos dados de salários e ocupação com o recorte de gênero.

Os resultados trouxeram algumas considerações importantes sobre a rede paranaense. Por exemplo: o grupo de estudantes com mais baixo nível socioeconômico apresentou resultados no Ideb abaixo da média do município e das escolas. Além disso, os dados mostraram que os estudantes das escolas rurais do estado possuem resultados abaixo da média.

No que tange à análise da Pnad, verificou-se também que as mulheres paranaenses apresentam, em média, maior grau de escolaridade do que os homens, mas permanecem ganhando menos do que eles — cerca de 23% a menos a nível nacional e 27% a menos no estado do Paraná.